Você sabe qual a diferença do produtor rural pessoa física e pessoa jurídica?

Não é só a produção que está relacionada ao produtor rural, é primordial analisar as questões fiscais do seu próprio negócio.

Continue conosco e entenda a diferença entre a pessoa física e a jurídica do produtor rural.

Já começamos a nossa matéria adiantando que para definir um produtor rural pessoa física ou jurídica, isso vai depender da escolha e objetivos de cada um. 

Atividade exercida 

O principal fator para isso é saber qual atividade é exercida pelo produtor rural, pois, para cada ramo existem características distintas. 

Isto vai depender da atividade que o produtor rural exerce, pois, às vezes para uns o  melhor é atuar como pessoa física e para outros é melhor atuar como pessoa jurídica, portanto tudo vai depender do ramo que o produtor optar. 

Legislação brasileira 

A legislação brasileira oferece vários tipos de tratamentos para cada um dos casos. 

Para você fazer a melhor escolha aconselhamos a conversar com o seu contador. 

Você sabe a diferença entre um produtor rural pessoa física e pessoa jurídica? 

Vamos supor que um produtor rural, que exerce atividades  de pequena proporção e que atende um público menor.

Designamos este produtor como pessoa física. 

Este perfil pode ser alterado quando neste mesmo caso o produtor rural resolve formalizar o seu negócio, logo ele precisa ser encaixado como empresa. 

Portanto ele será pessoa jurídica e com isso ele poderá fornecer produtos para o consumidor final e poderá também se tornar um fornecedor.

produtor rural

Lembrando que se o produtor optar por pessoa jurídica, logo ele terá mais obrigações fiscais do que o produtor rural pessoa física. 

Não que o produtor rural pessoa física não tenha obrigações, pelo contrário ele também precisa fazer a declaração do imposto de renda. 

Obrigações para o produtor rural PJ. 

  • Possuir CNPJ ou carteira de produtor rural; 
  • Ter cadastro estadual e municipal;
  • Solicitar ao INCRA o certificado de cadastro imóvel rural. 

Vantagens de ser um produtor rural pessoa física

Claro toda escolha tem seus pontos positivos e seus pontos negativos, para os produtores rurais que optam por ser pessoa física, eles terão a vantagem de exercer suas atividades com menos burocracias, mas eles não poderão adquirir certos tipos de produtos de fornecedores, pois, os mesmos só podem ser vendidos para quem possui um CNPJ

Vantagens de ser um produtor rural pessoa jurídica. 

Para quem opta pela pessoa jurídica, o mesmo terá várias vantagens que consequentemente vai ajudar no crescimento do seu negócio, porém, existem muitas burocracias que envolvem este ramo. 

Aconselhamos a você conversar com o seu contador antes de fazer qualquer escolha. 

Dica Extra: Já imaginou aprender 10 anos de Prática Contábil em poucas semanas?

Conheça um dos programas mais completos do mercado que vai te ensinar tudo que um contador precisa saber no seu dia a dia contábil, como: Rotinas Fiscais, Abertura, Alteração e Encerramento de empresas, tudo sobre Imposto de Renda, MEIs, Simples Nacional, Lucro Presumido, enfim, TUDO que você precisa saber para se tornar um Profissional Contábil Qualificado.

Se você precisa de Prática Contábil, clique aqui e entenda como aprender tudo isso e se tornar um verdadeiro profissional contábil.

Por: Laís Oliveira. 

Fonte: Dia Rural